Prevenção

A prevenção é a única arma contra a doença.

A melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.


Dicas de Prevenção:

• Lona para cobertura de materiais ou tanques de areia
Mantê-la esticada de modo a não acumular água.

• Bandejas de ar-condicionado, bebedouro de água mineral e pequenos depósitos de água
Tirar a água e escovar com periodicidade

• Ralos e canaletas de drenagem para água de chuva (subsolo e áreas externas)
Eliminar as caixas de areia ou pontos de acúmulo de água, preenchendo-os com argamassa. Telá-los.

• Materiais inservíveis (latas, copos, garrafas de vidro ou de plástico, potes de iogurte, margarina ou maionese, calçados, brinquedos velhos etc.)
Tampá-los ou colocá-los em local coberto.

• Vaso sanitário sem tampa e sem uso frequente
Jogar 2 colheres de sabão em pó. Mantê-los sempre tampados. Vedar com plástico, aderido ao vaso e fixado com fita adesiva. Acionar a válvula 2 vezes por semana.

• Caixa d´água
Manter bem fechada e com tampa adequada. Proteger o ladrão de caixas externas (com no máximo 1,5 m de comprimento) com tecido, tela de mosquiteiro ou meia de nylon.

• Ralo com sifão (exceto ralo de box de uso diário)
Utilizar ralo com tampa “abre-fecha” nas áreas internas, mantendo-a na posição fechada. Adicionar 2 colheres de sabão em pó em cada ralo.
(repetir a cada uso ou após chuva).

• Bandeja de geladeira com água parada
Retirar a bandeja, escovar e secar (colocar uma média de 1/4 de copo de detergente)

• Piscinas
Em período de uso: efetuar o tratamento adequado incluindo cloro granulado. Em período sem uso: reduzir ao máximo possível o volume de água, colocar sabão em pó ou peixes que comem larvas (beta, guaru)

• Bebedouros
Escovar parte interna e os canículos internos uma vez por semana. Retirar ovos grudados na parede.

• Aquários
Manter tampados, telados ou com peixes que se alimentem de larvas (beta, guaru, etc)

• Vasos de plantas
Remova ou fure os pratinhos dos vasos

• Pneus
Guardar em local coberto

• Lajes
Não deixar água parada

• Calhas
Remover tudo que possa impedir o fluxo da água

• Lixo
Colocar em sacos plásticos adequados e manter a lixeira bem fechada

• Vasos de plantas aquáticas
Substituir a água por terra

• Garrafas
Guardar sempre de cabeça para baixo

• Bebedouros de animais
Lavar semanalmente com escova e sabão

• Tonéis e barris d´água
Manter sempre bem fechados

Ad
Ad
Ad